Colecções Auras G+

Colecções Auras G+
Curadora Sessenta e Quatro

Publicação em destaque

Algumas considerações sobre a visualização espontânea de auras

quarta-feira, 21 de março de 2012

ALIMENTAÇÃO E AURA


 
Nós somos aquilo que comemos. As vibrações de tudo o que ingerimos equilibra ou desequilibra a nossa energia.
 
Há mesmo quem diga que se todos comêssemos o mesmo, teríamos uma energia semelhante e havia mais harmonia entre todos.
 
Discordo um pouco, a partir de um certo nível de energia (frequência alta) da nossa aura podemos comer de tudo. Tudo será transformado pelo nosso corpo de modo a não nos fazer mal.
 
Existem ainda homens tão desenvolvidos, na Índia por exemplo, que se sabe poderem estar sem comer nem beber, por vários dias, absortos em profunda meditação.
 
Havia ainda o caso dum famoso guru indiano, que se alimentava apenas de laranjas. Dizem que exalava um cheiro tão intenso a laranjas que se estendia por vários metros.
 
Por vezes não há outra hipótese, senão comer o que temos na frente. Eu nasci num país (Angola), onde as pessoas nativas de lá, agradeciam aos animais que caçavam antes de os comerem. Penso que esse respeito pela natureza e pelos seres que sacrificam a sua vida por nós, faz toda a diferença.
 
Antigamente, as pessoas antes de comerem, agradeciam e abençoavam os alimentos que tinham na mesa. Era pelo mesmo motivo que o faziam. Agora perdemos esse costume tão belo e tão útil. Devia ser recuperado, por uma questão de saúde.
 
Devíamos também comer sentados, o mais devagar e o mais concentrados que pudéssemos, na comida que ingerimos.
 
Os alimentos tem uma energia mais alta, quanto mais a sua origem está perto da Terra. No sentido de proximidade. É claro que as plantas têm uma energia superior aos animais. Tanto mais que, se os animais forem criados em aviários, nem sequer chegam a ter uma vida normal e digna.
 
Os frutos do mar e os peixes têm uma energia muito positiva e boa. Aliás os cientistas deviam dedicar-se mais, a procurar curas para várias doenças no mar.
 
Eu pratico uma alimentação que inclui peixe, marisco, legumes, fruta, cereais e frutos secos, por exemplo. Não consigo comer carne, já há alguns anos. Acredito que seja a melhor alimentação para mim.
 
Cada um deve procurar comer aquilo que se ajusta melhor a si e à sua energia.
 
A cor nos alimentos
 
Tenho uma amiga médica, que me diz sempre que, no meu prato, devo ter pelo menos 3 cores diferentes, senão a minha alimentação é pobre.

Como não sou especialista deixo-vos com esta dieta:

“Dieta das cores: Alimentação colorida traz mais saúde e ajuda a emagrecer
Vermelho, amarelo, verde, roxo, branco e marrom. Não, não estamos falando de um arco-íris, e sim das cores dos alimentos. Esta característica, que nem sempre é observada quando estamos nos alimentando, é a base da dieta 5-a-day, ou 5-por-dia, que prega que devemos consumir, diariamente, pelo menos cinco frutas e verduras.
 
Diferente das dietas que costumam circular no boca-a-boca, a 5-a-day não restringe nenhum grupo de alimentos e não possui contraindicações. Muito pelo contrário. Segundo a nutricionista Daniela Jobst, esta dieta é ótima para a saúde porque proporciona uma alimentação com grande variedade de nutrientes. “Cada cor representa uma predominância de certos nutrientes e fitoquímicos, princípios ativos contidos nos alimentos que são capazes de trazer benefícios e prevenir doenças”, afirma a especialista.
Aderir à dieta é muito fácil. Os alimentos são divididos em seis grupos, ou seis cores, que denunciam os nutrientes predominantes de cada um. Estes alimentos são, então, introduzidos na alimentação, ou seja, você continua comendo fontes de carboidratos e proteínas, mas passa a comer, também, mais frutas e verduras.
 
Apesar de não ser voltada ao emagrecimento corporal, e sim a adoção de uma alimentação equilibrada e saudável, as pessoas que começam a se alimentar seguindo os preceitos da dieta 5-a-day perdem um pouco de peso. O principal motivo do emagrecimento é que as pessoas passam a se alimentar melhor, com alimentos ricos em nutrientes e fibras, que trazem a sensação de satisfação, e pobres em calorias.
 
Outra grande vantagem da dieta 5-a-day é que não é necessário consultar um nutricionista para começar, já que montar um prato colorido é mais fácil do que se imagina. Daniela Jobst afirma que basta evitar a monotonia de cores. Por exemplo: se você já pegou uma folha verde-escura, não perca tempo enchendo o seu prato com várias desta mesma folha. Varie pegando outras folhas, com tonalidades diferentes, como roxas e verdes claras. “O grande segredo para fazer um prato colorido é buscar acrescentar cores e não quantidades no prato. Além de ficar mais nutritivo, o prato colorido é muito mais atrativo”, completa.
 
Confira abaixo os alimentos e os benefícios de cada cor e monte o seu cardápio.
 
Vermelhos : A cor avermelhada é consequência do licopeno, um pigmento que atua como antioxidante celular. Também possuem vitamina C, antioxidante que oferece proteção contra doenças e estresse. Os grandes representantes são frutas como caqui, cereja, framboesa, goiaba, melancia, morango, nectarina, pitanga, romã e tomate, além da beterraba e do pimentão vermelho.
 
Amarelos e laranjas: A cor amarelada é consequência do betacaroteno, também conhecido como pró-vitamina A, que atua como antioxidante contra radicais livres e na manutenção dos tecidos e dos cabelos, beneficia a visão noturna e melhora a imunidade. Estes alimentos também são ricos em vitamina C, que atua como antioxidante e participa da síntese de colagénio da pele. Os principais representantes destas cores são abacaxi, manga, maracujá, melão, milho, abóbora, ameixa, caju, carambola, damasco, cenoura, laranja, mamão, pimentão amarelo e tangerina.
 
Verdes: A cor dos alimentos verdes é resultante da clorofila, conhecida como um potente energético celular. Mas estes alimentos também possuem quantidades consideráveis de diversos outros nutrientes, como betacaroteno e luteína, ambos antioxidantes, folatos, vitaminas C e E, cálcio, ferro e potássio. Esta cor tem como representantes as folhas verdes, como acelga, alface, repolho, salsa, agrião, chicória, couve, espinafre, rúcula, escarola e manjericão, além de abacate, abobrinha, quiabo, pimentão verde, brócolos, vagem, kiwi, ervilha, limão e pepino.
 
Roxos: Alimentos nas tonalidades roxa, preta ou azulada contêm antocianina, um tipo de pigmento ligado à presença da vitamina B1. Conhecida como a vitamina da disposição, a B1 é essencial para a transformação dos carboidratos e outros nutrientes que ingerimos em energia. Entre seus benefícios está o aumenta da disposição mental e a manutenção do funcionamento normal do sistema nervoso, dos músculos e do coração. Alcachofra, ameixa, amora, beringela, feijão-preto, figo, jabuticaba, uva, repolho roxo são os principais representantes.
 
Brancos: A cor branca é resultante da flavina, que indica alimentos ricos em minerais, como cálcio e fósforo que ajudam na manutenção dos ossos e dentes, carboidratos e vitamina B6, que favorece a respiração das células e ajuda no metabolismo das proteínas. Alho, banana, batata, cebola, couve-flor, feijão branco, maçã, pera, palmito, chuchu, cogumelo, mandioca, nabo e rabanete são os principais representantes.
 
Castanhos: Os cereais integrais e as sementes oleaginosas são os grandes representantes deste grupo. Os cereais, por causa da grande quantidade de fibras que possuem, regulam o funcionamento do intestino, além de ajudar a controlar o colesterol e a diabetes. Já as oleaginosas são excelentes fontes do mineral selénio e de vitamina E, ambos com funções antioxidante, vasodilatador, anticoagulante e contra a fadiga.

Fonte: www.cristianaarcangeli.terra.com.br – Por Virgínia Vargas”

A cura pelas plantas
 
A ingestão de ervas próprias para curar esta ou aquela doença tem que se lhe diga.
 
Eu não sou especialista mas, tomei durante uns anos umas ervas que, eram esmagadas finamente e diluídas em água. Tomava muitas ervas diferentes pois o meu corpo estava completamente desequilibrado devido aos tratamentos de quimioterapia e radioterapia.
 
Eu sei que esta maneira de ingerir ervas, além de ter concentrada muito mais ervas, tem também a terapia da água. A água é de uma região que tem grandes pedras “parideiras”, que sabemos tem alta energia.
 
O que sabia, porque via acontecer em mim, é que os tais líquidos herbários, continham muita energia e que essa energia era distribuída ao meu corpo, dando me alívio e muita genica.
 
Tudo o que seja químico ou muito processado tem baixa energia, e devemos evitar por sistema.

Veja também:

http://receitasvegan-curadora64.blogspot.com/
 
Paz e Amor
Curadora64

Copyright © Curadora64  All Rights Reserved. You may copy and redistribute this material so long as you do not alter it in any way, the content remains complete, and you include this copyright notice link:
http://auras-colours-numbers.blogspot.com/

TERAPIA DO SOM



A cura pelo som é tão rica ou mais, que a terapia pela cor.
 
Ainda me lembro quando Jean Michel Jarre começou a fazer espetáculos de cor, luz e som nos anos 80.
 
 
Ele foi pioneiro nesse campo e de certo modo foi uma porta aberta, para o que se seguiria, quer em termos de espetáculos musicais, quer em termos de associação da cor e da luz com a música ou sons.
 
No fim de contas, tudo isto era já sabido há muitos séculos, pelos povos antigos. A música, tal como a cor, são usadas desde sempre, nos mais variados aspetos da nossa vida humana, com os mais variados significados e proveitos físicos e espirituais.
 
Os tibetanos, por exemplo, usam as famosas "taças cantantes". Estas taças usam não só o som como a vibração e são diretamente aplicadas sobre o chakra ou local que se deseja curar.


 
 
A musicoterapia é usada na cura de muitas doenças, desde o autismo até à cura de desordens nervosas, passando pelo cancro.
 
Existem pessoas que se especializaram em curar certas doenças, com certos conjuntos de tons musicais.
 
Veja por exemplo este vídeo fala sobre a cura de cancro com certas músicas :


 

do mesmo site de site musicoterapia:
 
 
Existem outros sites que nos falam de harmonização dos chakras através de uma meditação com sons. Por exemplo:
 
 
Outros mostram como podemos harmonizar e desenvolver algumas glândulas, como por exemplo a pineal, o timo, etc., com sons dos Hathors através do canalizador Tom Kenyon:
 
 
A música sendo um conjunto de ondas, com várias frequências combinadas pode ser uma terapia muito eficaz. Embora muito complexa.
 
 
O efeito do som na biologia é estudado, hoje em dia, por cientistas de várias áreas, no mundo inteiro.
 
Existe um trabalho muito curioso feito por arqueólogos que referem que os templos antigos têm uma arquitetura compatível com a frequência de ressonância de 111 Hz, que é a frequência da voz humana. Esta frequência tem ainda impacto no funcionamento do cérebro humano.
 
Um fotógrafo japonês, tem um estudo muito famoso pelo seu impacto na internet. Todos recebemos o email sobre a água e as suas modificações, quando expostas à energia de um determinado som.
 
Pode ver o trabalho do Sr. Masaru Emoto:

 
 
 
Embora nada disto pareça ter a ver com aura, tem muito, pois, o som é uma onda e uma onda tem uma frequência associada. Antes de a onda acústica “tocar” no corpo está a tocar na aura que também é composta por ondas.
 
Na verdade, como disse anteriormente, tudo é energia mais ou menos densa, frequência menos ou mais baixa, respectivamente.
 
Paz e Amor
Curadora64

Copyright © Curadora64  All Rights Reserved. You may copy and redistribute this material so long as you do not alter it in any way, the content remains complete, and you include this copyright notice link:
http://auras-colours-numbers.blogspot.com/
 
 

CROMOTERAPIA



Vou começar por esta técnica de cura através da aura. Está a ser muito utilizada e atualmente é uma das terapias da medicina alternativa com mais sucesso.
 
O terapeuta da cor é sempre sensitivo, no que diz respeito à aura da pessoa que vai curar. Quando não tem a certeza, de qual a cor mais adequada a utilizar, neste ou naquele caso, usa o método do pêndulo, fazendo perguntas especificas, que possam ser respondidas com sim ou não.
 
Estes terapeutas, são realmente pessoas especiais que, usam toda a sua intuição e experiência para cada caso.
 
Podemos generalizar as doenças A ou B mas, na verdade, não existem duas doenças iguais, assim como, não existem duas pessoas iguais.
 
Geralmente a cor aplicada, é a cor de que a pessoa tem falta.
 
A técnica aplicada varia. Pode ser desde luz elétrica, através de vidro da cor adequada; pode ser usado  um tecido fino da cor adequada em cima de um candeeiro; pode ser a própria luz do sol através de água colorida.
 
Muitas pessoas, usam estas terapias alternativas para doenças como o cancro, doenças auto imunes e outras doenças crónicas.
 
No entanto, como curadora, noto algumas limitações nesta técnica. Penso que, os terapeutas de cor mais aplicados, também o notam, e tentam compensar, aplicando energia, como no Reiki, praticando aconselhamento psicológico e aconselhando aos seus pacientes praticarem uma alimentação mais adequada ao seu estado de saúde.
 
Transformando uma terapia simples e localizada numa terapia holística, tem-se muito mais sucesso.
 
Recomendo o livro de Pauline Willis, A Cromoterapia
 



Paz e Amor
Curadora64

Copyright © Curadora64  All Rights Reserved. You may copy and redistribute this material so long as you do not alter it in any way, the content remains complete, and you include this copyright notice link:
http://auras-colours-numbers.blogspot.com/

AURATERAPIA - A CURA PELA AURA.



Num futuro próximo, as curas serão todas feitas por métodos não invasivos e sem recurso a fármacos.
 
Que conceito! Todos nós já desejamos que assim fosse, em alguma altura da nossa vida.
 
Como pode ser isso feito? Com o recurso à Auraterapia, por exemplo.
 
Há alguns milhares de anos atrás, era assim que as pessoas se curavam, na Atlântida.
 
Usavam a energia da Terra, os cristais coloridos e as ondas amplificadas das frequências corretas de uma aura modelo, eram aplicadas na aura a modificar.
 
Hoje em dia ainda não se fabrica tal máquina, nem usa tal método mas há muito que se sabe qual o principio.
 
Métodos usados hoje em dia com muito sucesso parecem derivar desta prática que se perde nos tempos e registos Akáshicos[3].
 
A cromoterapia e a terapia do som, são bons exemplos. Nesta última incluem-se a musicoterapia e as taças tibetanas por exemplo.
 
Existem outros métodos que atuam na aura de modo mais indireto tais como: cura através de ingestão de alimentos ou plantas especiais, uso de roupas coloridas e o uso de pedras vulcânicas, pedras preciosas ou mesmo pedras de toque.
 
Embora estas últimas técnicas, não sejam bem o que pretendo como exemplo, quando falo de Auraterapia, são eficazes e vão continuar a ser usadas durante algum tempo ainda. Por isso vou falar também um pouco sobre elas.

Quando acabei os tratamentos todos do cancro da mama sentia-me muito frágil. Nessa altura, uma médica disse duas coisas à minha mãe: eu devia usar o cor-de-rosa o mais que pudesse e devia ler Kryon.
 
Fiz ambas e a minha vida mudou para sempre. Outro médico, aconselhou-me a tomar umas ervas medicinais, que tomei durante 2 anos e meio até sentir que não precisava mais.
 
Tudo isto, teve um efeito que considero positivo sobre mim, porque alterou a minha energia áurica e as minhas cores básicas de aura, permitindo-me curar o corpo definitivamente.
 
O cor-de-rosa continua a ser usado por mim, em roupa, agendas, canetas, etc., pois noto que me acalma.

Curiosamente, mas não por acidente, foi adotada pelos grupos de apoio às pessoas com cancro de mama.
 
Ainda há cerca de um mês, tive problemas nos músculos dos ombros e pescoço. Além de exercícios de Yoga para relaxar e exercícios de visualização de cor azul turquesa – cor do 5º chakra, procurei usar roupa e objetos da mesma cor no pescoço.
 
Foi muito eficaz, melhorei bastante e continuo a usar pois, uma das causas deste problema, é estar muitas horas em frente do computador numa posição fixa e tensa.
 
___________________________
 [3] Os registos Akáshicos retêm toda a informação desde a origem da terra e se quisermos desde a origem desta dimensão: tudo o que cada um de nós fez em todas as suas vidas humanas pode ser acedido por quem possua essa competência.
Paz e Amor
Curadora64

Copyright © Curadora64  All Rights Reserved. You may copy and redistribute this material so long as you do not alter it in any way, the content remains complete, and you include this copyright notice link:
http://auras-colours-numbers.blogspot.com/

sábado, 17 de março de 2012

TELECINESE ÁURICA


É um bonito título para algo muito simples.
 
Significa que o movimento que a aura tem, faz mover pequenos objetos, desde que sejam muito leves.
Em grego “tele” significa “à distância” e “cinese - kinesis” significa movimento. Temos então movimento à distância.
 
A aura rodopia e influencia as outras auras, já aqui foi dito. Mas também pode ter influência física.
 
Os exercícios que se seguem já foram experimentados por mim, embora com mais sucesso quando era mais jovem.
 
A explicação para isso é que tinha mais energia do que tenho hoje. Penso que, todos os fenómenos de telecinese são devidos à projeção de energia prânica e os corpos envolvidos são o corpo 3-energético ou prânico e o corpo 4-mente instintiva.
 
Exercício 1 – O pequeno moinho áurico:
 
Dispomos os elementos que constam na seguinte foto, em cima de uma mesa.

 

Temos uma base de cortiça, um alfinete e um papel cortado em quadrado e dobrado em duas diagonais, de maneira a fazer um bico. Esse bico vai encaixar na ponta redonda do alfinete e a outra ponta bicuda vai ficar fixa na cortiça.
 
 
Podemos colocar as mãos como estão na foto ou não colocar, é indiferente; o que importa é a  imaginação. Sentamo-nos confortavelmente em frente do moinho e imaginamos a rotação.
 
 
Neste ponto, existem pessoas que preferem imaginar a aura delas a rodopiar, outras, apenas pensam que o papel gira. E de facto gira, com treino e paciência acontece...
 
Está sentado em frente à mesa, onde montou o moinho. Relaxe e imagine agora que ele vai rodar na direção dos ponteiros do relógio.
 
Agora pare-o lentamente. Recomece na direção contrária aos ponteiros do relógio.
 
Pare e descanse, porque estes exercícios não são para fazer durante muito tempo seguido, e a qualidade é mais importante que a quantidade. ;)

Exercício 2 – O pêndulo:
 

Este exercício tem uma origem muito antiga, e um nome curioso: rabdomancia.
 
A rabdomancia é a ciência divinatória antiga. Há quem lhe chame radiestesia, embora isso possa ser conotado com os vedores, que detetam água com uma verguinha.
 
O principio é o mesmo, todos estes objetos detetam as energias e melhor que isso, detetam a sua vibração e comportam-se de acordo com leis físicas.
 
O pêndulo pode ser com a ponta em crucifixo, como o meu. Uso este pêndulo por nenhum motivo em especial, apenas porque é um fio com um pendente pesado, o suficiente, para manter o fio esticado.
 
Há quem use com cristal na ponta e faça limpezas com sal...Não interessa para aqui: lave-o se quiser com água e sabão. É melhor ser seu, pois a aura que impregna o objeto passará a ser sua apenas, mas não existem mais preparativos para o exercício que os habituais: estar sózinho e sossegado, sem fome, sem sono e pouco cansado.
 
O pêndulo era usado ancestralmente para saber respostas às perguntas. Trabalha melhor em cruz, ou seja, respondendo como os movimentos de cabeça para dizer sim ou não.
 
Afinal, usamos a mente instintiva e esta mente só conhece o “0 - Falso” e o “1 - verdadeiro”, sendo muito simples, não conhece o talvez.
 
Também pode fazer círculos e estes são os movimentos que queremos, em cruz ou diagonal e em círculos.
 
Está sentado e relaxado, com o pêndulo na mão. Imagine agora que ele se vai mover para traz e para a frente primeiro devagar e depois com mais vigor.
 
De seguida imagine que o pêndulo para. E recomeça a mover-se, desta vez em círculos  primeiro pequenos e  depois cada vez maiores.
 
Vai ver que o seu pensamento é acompanhado pelos movimentos do pêndulo.
 
Nota: estes exercícios são fáceis. Se for praticando mais consegue mover objetos cada vez maiores. Lembre-se que a energia necessária para isso vai aumentando também.
 
Paz e Amor
Curadora64

Copyright © Curadora64  All Rights Reserved. You may copy and redistribute this material so long as you do not alter it in any way, the content remains complete, and you include this copyright notice link:
http://auras-colours-numbers.blogspot.com/


quinta-feira, 15 de março de 2012

AS CORES NA AURA E O SEU SIGNIFICADO


Não é por acaso que este capítulo é o décimo primeiro (11). Segundo Kryon este número traz iluminação.
É preciso usar de muito bom senso para interpretar auras. As cores não são iguais às da natureza, como já foi dito aqui, e o leque de cores é tão variado que podemos confundi-las.
Para dar um exemplo: a cor negra indica pouco desenvolvimento psíquico, mas também pode indicar apenas falta de saúde num determinado órgão, ou local do corpo. E a pessoa neste caso pode também ter algum desenvolvimento espiritual.
As auras estão para os corpos humanos assim como a luz do sol está para o sol. São uma manifestação não aquilo que é.
Antes de começar com as cores quero indicar a sua origem. Pensamos sempre em chakras mas na verdade os 7 chakras são centros de energia associados aos 7 corpos que possuímos.
                                            ***
Os 7 corpos do Homem:
1- Corpo Físico
2- O Corpo Astral
3- Prana ou Força Vital
4- Mente Instintiva
5- Intelecto
6- Mente Espiritual
7- Espírito
Não vou falar dos outros corpos correspondentes aos outros 6 chakras principais, pois, poucos de nós os vêm e menos ainda sabem exatamente o que são.
Veja o link anterior sobre os 13 chakras.
Os três primeiros corpos são os subordinados ao plano físico. Embora exista muito a dizer sobre eles não nos interessam muito por agora.
Sobre o 7- Espírito, sabemos o seguinte: a sua cor é o branco puro. Nunca ninguém, em 3D viu semelhante cor. É preciso estar ao nível de Deus para ver esta cor, o que implica uma energia tão grande que seria mortal no nosso estado evolucionário.
A cor mais parecida com o branco é o ultravioleta e a cor do fantasma ou corpo astral. Isto com as devidas distâncias: o primeiro tem uma frequência elevadíssima e é mesmo a frequência mais elevada que nos é permitido ver neste nosso corpo 3D. A segunda é de frequência muito baixa embora seja uma das primeiras camadas da aura a ser vista.
Esta camada da aura, o corpo Astral pode ser visto por quase toda a gente. É muito comum ver em funerais a pairar por cima do morto.
Quando as pessoas fazem viagens astrais, durante o sono é este corpo que é utilizado como veículo.
Quando um dos meus avós esteve em coma, eu costumava ver o seu corpo astral frequentemente.
Os mais interessantes para a observação da cor são os corpos mentais: 4-mente instintiva, 5-mente intelectual e 6-mente espiritual.
A mente instintiva é comum a toda a Natureza e também a nós. É através dela que nos ligamos à natureza: animais, plantas e até ao reino mineral.
Todos estes corpos interpenetram-se, não são estanques. Não conseguimos dizer onde começa um e acaba o outro.
Por exemplo, alguns animais têm uma mente instintiva tão desenvolvida que já atinge os primeiros níveis da mente intelectual.
Os humanos atuais usam as três mentes: instintiva, intelectual e espiritual; por vezes não controlam nenhuma delas de maneira eficaz.
A maior parte dos humanos usa mais a mente intelectual. E a mente espiritual ainda é a menos desenvolvida.
E isso explica as cores que vemos quando, depois de estarmos mais à vontade a ver a aura do nosso corpo, a aura dos nossos entes queridos, animais, etc., vamos para a rua para ver.
Agora vamos pensar na parte ética: eu envio um pensamento a pedir permissão para ver as auras das pessoas que me rodeiam. Estou segura que elas o recebem pois, vejo algumas auras e outras não consigo ver.
Funciona assim: Eu envio telepaticamente o pedido. As pessoas todas recebem ao nível inconsciente, sobretudo. Talvez algumas saibam a nível consciente o que faço. Inconscientemente ou não, elas mostram a sua aura ou não.
Tente não olhar muito fixamente para uma pessoa em particular. Aliás, se já treinou bastante, sabe que temos de ser rápidos a ver e não forçar nada.
Por vezes, mesmo as pessoas que estão de costas viram-se pois, sentem o nosso exame. Não se incomode, desvie o olhar e comece de novo.
No principio tente ver nas cabeças, que têm como pano de fundo o céu.
O pano de fundo do corpo a ser visto deve ser sem objectos coloridos e com poucas formas, para não haver interferências.
                                     ***
AS CORES
Eis as cores como me ensinaram: vou fazendo comentários quando achar necessário.
Um pergunta importante, que deve fazer a si mesmo quando vê uma aura:
Estas cores agradam-me?
Se lhe agradarem têm uma frequência elevada e são boas. Da mesma forma, se não lhe agradarem já sabe que não são boas e a frequência é baixa. Usando outros conhecimentos que tem da pessoa já sabe o que significa.
Preto, representa ódio, malícia, vingança e sentimentos semelhantes.
Como disse antes, vi a ausência de aura (negro) numa pessoa que tinha fortes dores no pescoço e muitos problemas de ossos aí. Tinha tido raquitismo quando jovem.
Pardo, de um matiz brilhante, representa egoísmo.
Se as pessoas soubessem como é feia esta cor evitavam “usar esta roupa”.
Pardo-cinzento, de um matiz peculiar (quase como um cadáver), representa temor e terror.
Já vi esta cor em pessoas que estão muito doentes também.
Verde, de um matiz sujo, representa ciúmes. Se há muita ira misturada com os ciúmes aparecerão chamas encarnadas num fundo verde.
Verde, de um matiz quase cor de ardósia, representa falsidade baixa.
Este verde é realmente muito feio. Já o vi ao redor da cabeça de uma pessoa e é uma cor baça e feia.
Verde, de um matriz brilhante peculiar, representa tolerância para as crenças e opiniões dos outros, revela um certo nível de desenvolvimento e “diplomacia”.
Verde, lindo e brilhante de uma bela cor marinha. Todos os curadores o possuem em maior ou menor quantidade. É uma espécie de “condecoração”. Podem ser reconhecidos por esta cor sem sombra de dúvida.
Existem ainda outros tons de verde nas novas auras. Quando estamos em evolução, possivelmente a seguir a um acontecimento importante na nossa vida aparece um tom verde muito claro misturado com amarelo ou violeta, dependendo da pessoa. Por incrível que pareça existe harmonia entre estas cores.
O verde, num tom vivo e “arbóreo” aparece junto, paralelamente, com o vermelho claro e vivo nas listas ou crinas de saúde dos diversos órgãos do corpo.
Vermelho, de matiz semelhante ao das chamas que, misturadas com o fumo, saem de um edifício, ardendo, representam sensualidade e paixões animais.
Vermelho, visto em forma de labaredas de um vermelho brilhante, parecidas, em seu aspecto, com um relâmpago, indica cólera.
O fundo varia desde negro, quando é provocado pelo ódio, ao verde horrível quando provocado pelo ciúme. Por vezes carece de causa e não tem fundo.
Mais uma vez, digo-vos que é tão feio que, se toda a gente visse o aspeto desta aura, nunca mais queria ter essa atitude.
Carmesim, representa amor, variando em matiz de acordo com o carácter da paixão. Um amor sensual e grosseiro será de um carmesim escuro e opaco, enquanto que, combinado com sentimentos mais elevados aparecerá com tons mais luminosos e agradáveis. Uma forma mais elevada de amor é um formoso cor-de-rosa.
Vi este cor-de-rosa apenas uma vez: pedi a uma amiga para pensar em alguém que gostasse muito e vi a aura dela inundar-se desta cor tão bela e indescritível.
Castanho, de uma coloração avermelhada apresenta avareza e voracidade.
Já vi esta cor na aura associada apenas às crinas ou listras de saúde, em vez do saudável vermelho e verde, a pessoa tinha este castanho baço com pontinhos de luz clara, um pouco como se fosse um granulado. Esta pessoa tinha cancro nos ossos. Tinha muitas dores na altura em que a vi e tinha medicação aplicada no sitio onde verifiquei essas cores (anca). No entanto, embora o seu caso fosse grave, é uma lutadora e sobrevive até hoje com bastante qualidade de vida.
O castanho também significa abandono das coisas do mundo, por isso os frades franciscanos a adotaram.
Alaranjado, de um tom brilhante, representa orgulho e ambição.
Isto foi o que o meu mestre me ensinou, permito-me discordar: talvez algum tom em particular seja assim; mas o que tenho observado é, que é um fundo de aura muito comum principalmente em mulheres. Vi muitas mulheres com esta cor predominante e continuo a vê-la. Associo-a às preocupações domésticas de gerir uma casa e vários entes queridos. É uma cor agradável e brilhante, e até interessante para mim que, nunca a tive na minha aura.
Associo esta cor ao eterno feminino, ao poder da criação. É, das cores que tenho visto, a que é mais semelhante à cor do 2º chakra.
Amarelo, representa sobretudo poder intelectual. Mas, pelo que tenho visto a variedade de tons é tão grande que se podia escrever um livro só a falar dos cambiantes desta cor.
Já vi de tudo: amarelo baço, amarelo-esverdeado, sobretudo na cabeça de pessoas pouco evoluídas e mentirosas. Estas cores são muito feias e desagradáveis.
Por outro lado já vi amarelos tão puros e brilhantes como a água quando é trespassada pelos raios de sol. Parece poético mas a pessoa em causa é pura, pensa sempre o melhor dos outros e tem uma espiritualidade elevada. É das poucas pessoas que conheço que realmente compreende os mistérios da espiritualidade. É um sério estudioso dos mistérios do Espírito.
Nesta pessoa, o halo dourado e a taça dourada em meia lua, por cima do 7º chakra, têm as cores mais autênticas e vibrantes que já vi. São mesmo douradas.
As geometrias em cima do halo e taça são absolutamente espantosas e eu sei que correspondem aos outros 3 chakras principais.
As cores aí vistas não têm correspondência na Terra e eu penso que pertencem ao espectro ultravioleta. Foi a primeira, e quase única vez, que vi essas cores.
Esta pessoa tem além disso uma outra cor básica na aura: o violeta muito claro.
Tudo isto indica que tem um forte sentido de religiosidade não convencional. Não se prende a dogmas de uma determinada religião e procura a verdadeira espiritualidade
Azul, varia em matiz desde um escuro indigo até um formoso violeta muito claro.
O índigo, é desde os anos 90, muito falado embora pouco compreendido. Para mim não é mais que uma cor de transição. Já a possuí e não tenho saudades. Devo dizer que me sentia muito suscetível e irritada além de estragar todos os pequenos aparelhos e cartões de multibanco em que tocava.
Depois de acabar as séries de tratamentos de quimioterapia e radioterapia, notei que a minha aura passou de azul claro para índigo. Foi uma espécie de fase da lagarta com um casulo, fase curta por sinal, antes de a aura mudar para verde e amarelo. Nesta fase compreendi que era uma curadora e foi uma fase mais longa, durou cerca de 5 anos. As minhas cores, mudaram de novo há cerca de um ano, e agora vejo na minha aura, amarelo e violeta sobretudo. São tons claros, acompanhados de estrias verde-claro.
O azul claro é típico das pessoas com alguma aptidão espiritual, dependendo do tom. Significa que já desenvolveram suficientemente o intelecto e podem ensinar os outros pois estão no limiar do desenvolvimento espiritual.
Alguns adolescentes, têm um tom azul muito "à bebé" que significa imaturidade e possibilidade de serem influenciados.
Também é muito bom e adequado para quem tem a capacidade e vontade de ver auras.
Lembrem-se disto: ao vermos a aura do outro vemos através da nossa. Portanto quanto mais clara for a nossa aura melhor vemos e não deturpamos as cores.
Aliás, as pessoas com auras de frequências mais baixas, ficam assim impedidas de ver auras pelo mesmo motivo.
Temos falado nas cores do espectro visível, mas nos extremos deste temos as cores ultravioletas e no outro extremo temos as cores infravermelhas.
Enquanto que, todo o espectro visível, pode ser visto pelos olhos físicos com treino, as cores fora do espectro visível só podem ser vistas pelo 3º olho.
Ao passo que as cores ultravioletas indicam desenvolvimento psíquico, utilizado para o bem, as cores infravermelhas indicam que a pessoa embora tenha desenvolvimento psíquico, o aplica com propósitos menos bons e usa os dons que tem para proveito próprio.
Nunca vi cores infravermelhas. Espero que sejam raras. ;))
                                       ***
Agora vou apresentar as cores da aura pelas palavras de Lobsang Rampa, que além de vidente era médico:
"As cores da aura.
Cada nota musical é uma combinação de vibrações harmónicas que depende de sua compatibilidade com as notas vizinhas. Qualquer FALTA de compatibilidade faz com que uma nota "áspera", uma nota que não é agradável de ouvir. Os músicos se esforçam para produzir apenas notas que agradam.
Como na música, assim acontece nas cores, pois estas também são vibrações, embora estejam em uma parte um pouco diferente do "Espectro de perceção humana."

Uma pessoa pode ter cores puras, cores que agradam e nos animam. Ou alguém pode ter cores que perturbam, que atacam os nervos. Na aura humana, existem muitas diferentes cores e tonalidades de cores. Algumas delas estão fora do alcance da visão do observador não treinado e assim, para essas cores não temos nenhum nome aceite universalmente.

Há, como sabe, um apito "silencioso" para cães. Ou seja, ele ressoa numa faixa de vibrações que os ouvidos humanos não podem ouvir, mas que um cão pode. Na outra extremidade da escala, um ser humano pode ouvir os sons mais profundos do que os que estão dentro da escala de audição de um cão; sons baixos são inaudíveis para os cães. Suponha que movemos o alcance do ouvido humano para cima, na escala- então devemos ouvir como um cão e conseguíamos ouvir as notas mais altas do apito.
Então, se nós podermos aumentar ou mudar a nossa gama de visão, seremos capazes de ver a aura humana.

A menos que façamos isso com cuidado, porém, podemos em seguida, perder a capacidade de ver roxo ou preto escuro!

Não seria razoável fazer uma lista de inúmeras cores. Vamos examinar apenas as cores mais comuns, as mais fortes. As cores básicas mudam de acordo com o progresso da pessoa em cuja aura elas são vistas.

À medida que a pessoa melhora a sua espiritualidade, assim a cor da sua aura melhora. Se uma pessoa tiver a infelicidade de retroceder na escada do progresso, então suas cores básicas podem-se alterar completamente ou mudar a sua tonalidade.

As cores básicas (as quais destacamos abaixo) mostram a pessoa "básica". Os inúmeros tons pastel indicam os pensamentos e intenções, bem como o grau de espiritualidade. A aura rodopia e flui, como um arco-íris particularmente complicado. As cores seguem com rapidez em volta do corpo em espirais crescentes, e também se derramam da cabeça aos pés, porém essas cores são muitas vezes mais numerosas do que as surgidas num arco-íris; um arco-íris é apenas a refração da luz nos cristais de água - coisa simples - a aura é a própria vida.

Aqui estão algumas notas sobre um número bem pequeno de cores, porque não vale a pena examinar as outras enquanto não conseguir ver estas.

VERMELHO. Na sua boa forma vermelha indica força impulsora sadia. Bons generais e líderes dos homens tem um monte de vermelho claro em sua aura. Uma forma particularmente clara de vermelho com bordas amarelas claras indica uma pessoa que é um "cruzado" - aquele que está sempre se esforçando para ajudar os outros. Não confunda isso com o intrometido comum; seu "vermelho" seria "marrom-(castanho)"!

Faixas vermelhas claras, ou lampejos emanados a partir do local de um órgão, indica que o órgão está de muito boa saúde. Alguns dos líderes mundiais apresentam uma grande quantidade de vermelho claro em sua aura. Infelizmente, em demasiados casos, ele está contaminado com tons degradantes.

Um vermelho ruim, aquele que se mostra enlameado ou de tonalidade muito escura, indica um temperamento perverso. A pessoa em questão não é confiável, mostra-se briguenta, traiçoeira, sendo egoísta.

Os vermelhos opacos invariavelmente mostram excitação nervosa. Uma pessoa com vermelho "ruim" pode ser fisicamente forte. Infelizmente, ela também será forte nos erros. Assassinos têm sempre vermelho degradado em suas auras.

Quanto mais leve o vermelho (mais leve, e não "mais claro"), tanto mais nervosa e instável é a pessoa. Essa pessoa é muito ativa - até mesmo sobressaltada - e não pode ficar parada por mais de alguns segundos de cada vez. Claro que tal pessoa é muito egocêntrica, de facto.

Os vermelhos ao redor dos órgãos indicam seu estado. Um vermelho rubro, vermelho acastanhado mesmo, lentamente pulsando sobre o local de um órgão indica câncer. Pode-se dizer se o câncer está lá OU SE é incipiente! A aura indica que as doenças vão afligir o corpo mais tarde, a menos que medidas curativas são tomadas. Este vai ser um dos maiores usos de "Terapia Aura" em anos posteriores.

Um vermelho, sarapintado e chamejante ao redor das mandíbulas, indica dor de dente, uma pulsação marrom (castanho opaco) no nimbos (onde se situa o halo e a taça dourados) indica medo de uma visita a um dentista.

A cor escarlate é geralmente "usada" por aqueles que são muito seguros de si, o que indica que uma pessoa gosta muito de si mesmo. É a cor do falso orgulho - orgulho, sem alicerces. Mas, a cor escarlate também se mostra mais claramente em torno dos quadris daquelas senhoras que vendem "amor" por moedas do reino!

Elas são de fato "Mulheres Escarlate!" Essas mulheres não estão normalmente interessadas ​​no ato sexual, como tal, para eles é simplesmente um meio de ganhar a vida. Então, a pessoa super vaidosa e a prostituta compartilham as mesmas cores de aura. Vale a pena um pensamento de que estas palavras antigas, como "mulher escarlate", "mau humor", "vermelho de raiva", "preto com temperamento" e "verde de inveja", de fato, indicam precisamente a aura de uma pessoa com tal um estado de espírito! As pessoas que originaram tais ditos, obviamente, consciente ou inconscientemente, viram a aura.

Ainda no grupo "VERMELHO" - rosa (é mais de um coral, na verdade) mostra imaturidade. Os adolescentes mostram cor-de-rosa em vez de qualquer outro vermelho. No caso de um adulto, cor de rosa é um indicador de infantilidade e insegurança.

O vermelho-marrom, algo como a cor de fígado cru, indica uma pessoa muito desagradável mesmo. É aquela pessoa que deve ser evitada, pois trará problemas. Quando visto ao longo de um órgão mostra que o órgão está muito doente e de fato a pessoa que tem esta cor em mais do que um órgão vital vai morrer em breve.

Todas as pessoas com VERMELHO na extremidade do osso esterno (osso do centro do peito em vertical) têm problemas nervosos. Eles devem aprender a controlar suas atividades e viver mais serenamente, se querem viver por muito tempo e felizes.

LARANJA. Laranja é realmente um ramo de vermelho, mas estamos demonstrando consideração ao dar-lhe uma classificação própria, porque algumas religiões do Extremo Oriente usavam considerar o laranja como a cor do sol e prestavam-lhe homenagem.

É por isso que existem tantas cores laranja no Extremo Oriente. Por outro lado, apenas para mostrar os dois lados da moeda, existem outras religiões em que a crença é de que a cor azul é a do sol.

Não importa a sua opinião a respeito desta matéria, o laranja é basicamente uma boa cor, e as pessoas com um tom adequado de laranja em sua aura são aqueles que mostram muita consideração pelas outras pessoas, eles são humanitários, são pessoas que fazem o seu melhor para ajudar os outros não tão bem dotados.

Um amarelo-laranja deve ser desejado, porque mostra muito auto controle, e apresenta muitas virtudes.
A cor laranja-acastanhada indica uma pessoa preguiçosa e reprimida dessas que "não se importam!"

Um marrom-laranja também indica problemas renais.
Se esta cor está localizada sobre os rins e tem um borrão cinza irregular nele, indica a presença de pedras nos rins.

Um laranja matizado de verde indica uma pessoa que gosta de brigar apenas pelo simples prazer de fazê-lo, e quando aprender o bastante até avançar para o ponto em que pode ver as tonalidades dentro das tonalidades, então, deve ser sábio e evitar discutir com aqueles que têm verde misturado com laranja porque eles podem ver "somente a preto e branco", eles não têm imaginação, não têm a perceção e discernimento para perceber que existem tonalidades de conhecimento, de opinião e de cor. A pessoa atingida com um laranja-esverdeado argumenta indefinidamente apenas por discutir e, sem se preocupar se seus argumentos estão certos ou errados; a tais pessoas, a coisa é a discussão.


AMARELO. Um amarelo dourado indica que seu possuidor é de uma natureza espiritual. Todos os grandes santos tiveram halos dourados em torno de suas cabeças. Quanto maior a espiritualidade o mais brilhante brilhava o amarelo dourado. Abrindo um parêntese, vamos dizer aqui que os da espiritualidade mais elevado também têm índigo, mas estamos lidando com amarelo! Aqueles que têm um amarelo na aura sempre estão bem de saúde espiritual e moral.

Eles estão no Caminho correto, e de acordo com o tom exato de amarelo que possuem pouco têm de que ter medo. Uma pessoa com um amarelo brilhante na aura pode ser totalmente confiável. Uma pessoa com um amarelo degradado (a cor do queijo Cheddar ruim!) é de natureza covarde, e é por isso que as pessoas dizem, "Oh, ele é amarelo!".

Já foi muito mais comum que se pudesse ver a aura, e, presumivelmente, a maioria destes provérbios entrou nas diferentes línguas nessa época.

Mas, um amarelo mau, mostra uma má pessoa, alguém que está realmente com medo de tudo. Um amarelo-avermelhado não é de todo favorável, pois indica timidez mental, moral e física, e com ela fraqueza absoluta de visão espiritual e convicção.

Pessoas com um amarelo-avermelhado vão mudar de uma religião para outra, sempre procurando por algo que não é obtido em cinco minutos. Eles carecem de poder de permanência, eles não se podem colar em uma coisa por mais de alguns instantes. Uma pessoa que tem um amarelo-avermelhado e amarelo-castanho na aura está sempre perseguindo o sexo oposto - sem obter resultado nenhum!

Vale a pena ressaltar que se uma pessoa tem o cabelo vermelho (ou avermelhados) e tem amarelo-avermelhado na aura, essa pessoa vai ser muito combativa, muito ofensiva, e muito disposta a interpretar mal qualquer observação ouvida em menosprezo pessoal. Este refere-se particularmente para aqueles que têm o cabelo vermelho e pele avermelhada, talvez sardenta. Alguns dos amarelos avermelhados indicam que a pessoa que possuir estes tons tem um grande complexo de inferioridade. Quanto mais vermelho for o vermelho no amarelo, quanto maior o grau de inferioridade.

O amarelo acastanhado demonstra pensamentos muito impuros de fato e de pobre desenvolvimento espiritual.

Presumivelmente, a maioria das pessoas sabe sobre a Skid Row, o vale para que todos os bêbados, fracassados, e traidores, são impelidos nesta Terra. Muitas das pessoas dessa classe ou condição, tem esse vermelho amarelo-marrom, e se eles são particularmente ruins, eles têm uma forma desagradável de verde limão sarapintando a aura. Essas pessoas raramente podem ser salvas da sua própria loucura.

A cor castanha-amarela indica pensamentos impuros, em que a pessoa em questão não consegue manter sempre o caminho reto e estreito.

No campo da saúde faixas verde e amarelas revelam problemas hepáticos.

À medida que as faixas amarelo-esverdeado passam ao castanho-avermelhado-amarelado mostra que os padecimentos estão mais na natureza das doenças sociais.

Uma pessoa com uma doença social, invariavelmente, tem uma faixa marrom escuro e uma faixa amarela escura em torno dos quadris. Muitas vezes, é salpicado com o que parece ser poeira vermelha.

Com o castanho ou marrom se tornando mais e mais pronunciado no amarelo, e talvez em faixas irregulares, indica problemas mentais.

Uma pessoa que tem uma dupla personalidade (no sentido psiquiátrico), muitas vezes mostram metade da aura como um azul-amarelo e a outra metade como um castanho ou amarelo-esverdeado É uma combinação completamente desagradável.

O amarelo ouro puro com o qual começamos este título de "AMARELO" deve sempre ser cultivado. Pode ser atingido por manter nossos pensamentos e nossas intenções puras. Todos nós temos de passar pelo amarelo brilhante antes de podermos caminhar mais na trilha da evolução.

 
VERDE. Verde é a cor da cura, a cor de ensino, e a cor do crescimento físico. Grandes médicos e cirurgiões têm muito verde em sua aura, mas também têm muito vermelho, e, curiosamente, as duas cores se misturam harmoniosamente e não há discórdia entre elas.

Vermelho e verde quando vistos juntos em materiais muitas vezes podem chocar e ofender, mas quando elas são vistas na aura agradam. Verde com um vermelho adequado indica um cirurgião brilhante, um(a) homem/mulher mais que competente.

O verde sozinho, sem o vermelho indica um médico dos mais eminentes, aquele que conhece o seu trabalho, ou pode indicar uma enfermeira cuja vocação é a sua carreira e a sua paixão.

Verde misturado com um azul adequado indica êxito no ensino. Alguns dos maiores professores tiveram verde em suas auras e bandas, ou estrias, do turbilhão de azul, uma forma de azul elétrico, e muitas vezes entre o azul e o verde haveria estreitas faixas de amarelo-dourado que indicariam que o professor é um dos que tem o bem-estar de seus alunos em grande consideração e atenção. Tinha as necessárias altas perceções espirituais, a fim de ensinar os melhores temas.

Todos aqueles que estão preocupados com a saúde das pessoas e dos animais têm muito verde em sua composição áurica. Eles podem não ser grandes cirurgiões ou médicos cirurgiões de grande patente, mas todas as pessoas, não importa quem eles são, se eles estão lidando com a saúde dos animais ou seres humanos ou plantas, todos eles têm uma certa quantidade de verde em sua aura. Parece ser quase um emblema distintivo!

Verde não é uma cor dominante, porém, é quase sempre subserviente a alguma outra cor. É uma cor prestimosa e indica que alguém que tem muito verde na aura é de natureza amigável, compassivo e atencioso.

Se a pessoa tem um verde-amarelado, porém, então essa pessoa não pode ser confiável, e quanto maior a mistura de amarelo desagradável, tanto menos fidedigna e menos idónea é a pessoa. O tipo de criatura que ilude a confiança tem um verde-amarelo - o tipo de pessoas que falam muito bem a uma pessoa e depois enganando-os ficam com o seu dinheiro - estes têm um tipo de verde limão ao qual o seu amarelo é adicionado. À medida que o verde se dirige para o azul - geralmente um agradável azul céu ou elétrico - mais confiável é uma pessoa.

 
AZUL. Esta cor é muitas vezes referida como a cor do mundo do espírito. Também mostra a capacidade intelectual, além da espiritualidade, mas é claro que tem que ser o tom certo de azul, com o tom certo, é uma cor muito favorável, de facto.

O etérico é de um tom azulado, um azul um pouco semelhante a fumaça não-inalada do cigarro, ou o azul de um fogo de lenha. Quanto mais claro o azul, mais saudável e mais vigorosa na área da saúde é a pessoa.

Azul-claro é a cor de uma pessoa que oscila muito, uma pessoa que consegue decidir-se, uma pessoa que tem que ser empurrada para que se obtenha qualquer decisão que valor dela.

Um azul mais escuro é o de uma pessoa que está a fazer progressos, uma pessoa que está tentando. Se o azul for ainda mais escuro, mostra quem está afincadamente interessado nas tarefas da vida e que tem encontrado alguma satisfação nisso.

Estes azuis escuros são frequentemente encontrados em missionários que escolheram essa atividade, e que receberam de modo definido "um chamamento." Não é encontrado em missionários que apenas desejam um emprego, talvez, viajar o mundo todo com todas as despesas pagas. Pode-se sempre julgar uma pessoa pelo vigor do amarelo e intensidade do azul.

INDIGO. Vamos classificar o índigo e violeta como estando sob a mesma rubrica porque um passa imperceptivalmente para o outro, sendo no caso completamente dependentes um do outro. Pessoas com índigo acentuado na aura são pessoas de profundas convicções religiosas, não apenas aqueles que professam ser religiosos. Há uma grande diferença; há quem diga ser religioso, algumas pessoas crêem-se religiosas, mas até que se possa realmente ver a aura, não será possível ter a certeza; o índigo vem prová-lo conclusivamente.

Se uma pessoa tem uma coloração arroxeada no índigo será irritadiça e desagradável, especialmente para aqueles que estão sob o controle da pessoa assim afligida. A coloração arroxeada no índigo é um toque degradante, pois rouba a pureza da aura. Aliás, as pessoas com índigo ou violeta ou o purpúreo em suas auras sofrem de problemas cardíacos e distúrbios do estômago. Eles são o tipo de pessoas que não deveriam comer alimentos fritos nem alimentos gordurosos.

 
CINZENTO. Cinzento é um modificador das cores da aura. Isso não significa nada por si só, a menos que a pessoa seja pouquíssimo evoluída. Se a pessoa a quem você está olhando carente de evolução, nesse caso veremos grandes faixas e salpicos de cinzento, mas normalmente não estaríamos olhando o corpo nu de uma pessoa não-evoluída. Cinza demonstra uma fraqueza de carácter e um mau estado geral de saúde. Se uma pessoa tem faixas cinzas num órgão particular, mostra que o órgão está em perigo de falência, está entrando em colapso, e atenção médica deve ser procurada imediatamente. Uma pessoa com dor de cabeça latejante terá uma nuvem cinza fumacenta passando pelo halo ou nimbo, e não importa qual a cor do halo, faixas cinzentas que o atravessem, vão pulsar em cadência com o pulsar da dor de cabeça."

 
traduzido a partir de livro "You forever", lesson5, obtido em



Paz e Amor
Curadora64


Copyright © Curadora64  All Rights Reserved. You may copy and redistribute this material so long as you do not alter it in any way, the content remains complete, and you include this copyright notice link:
http://auras-colours-numbers.blogspot.com/
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

copyscape

Protected by Copyscape

Adam Kadmon

Meridianos MTC

Kundalini

Toroide - Energia Livre

Formas de Pensamento

A Grande Invocação

Meditação pela Paz

Meditação fora do espaço e tempo (a qualquer hora e em qualquer lugar, sem inscrições nem regras)Apelo ao envio de Luz...

Posted by Auras, Cores e Números on Sábado, 11 de Julho de 2015

Aura - o que é?

Controlo da Mente

Vida ET


"Se não existe vida fora da Terra, então o universo é um grande desperdício de espaço."- Carl Sagan
Posted by Auras, Cores e Números on Sábado, 29 de agosto de 2015

Chakras

Deva Premal - playlist